Home » campeonatos » TF 5+ Divizia Nationala 2013/14 – Moldávia

TF 5+ Divizia Nationala 2013/14 – Moldávia

TF 5+ Divizia Nationala 2013/14 – Moldávia

bundels

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Com domínio repartido entre Zimbru Chisinau e Sheriff Tiraspol, os primeiros dominadores durante a década de 90′, os segundos líderes incontestáveis desde 2000, excepção feita à temporada 2010/11 com o título a ser conquistado pelo Dacia Chisinau, a Divizia Nationala, principal escalão futebolístico moldavo, é disputado actualmente por doze equipas.
Longe do centro nevrálgico de uma Europa evoluída e espremida geograficamente entre Ucrânia e Roménia, a Moldávia pouco tem conseguido fazer nos últimos tempos para ganhar alguma projecção e importância no panorama futebolístico europeu.
Ainda assim e numa altura em que a Divizia Nationala, mais uma vez dominada pelo Sheriff Tiraspol, se encontra sensivelmente a meio termo, resolvi elaborar uma pequena lista com alguns nomes que vão fazendo a história da Primeira Divisão Moldava.
 


#1 – HENRIQUE LUVANNOR

henrique luvannor
 
 Nome: Henrique Silva de Sousa Luvannor
 Nacionalidade: Brasileira/Moldava
 Nascimento: 19/05/1990 (23 anos)
 Posição: Lateral/Médio Ofensivo/Avançado Esquerdo
 Altura: 182 cm
 Clube: Sheriff Tiraspol
 
 
 
Apontamentos: Chegou à Moldávia em 2011, vindo do Morrinhos FC, para defender as cores do Sheriff Tiraspol, onde depois de um período inicial de adaptação, se tem revelado esta temporada como o dinamizador principal da Divizia Nationala – leva, até ao momento, 15 golos em 13 jogos disputados.
Utilizado por algumas ocasiões a temporada passada a Lateral-Esquerdo (muito pouco consistente defensivamente) é em zonas mais avançadas, como Médio-Ofensivo/Avançado Esquerdo que o seu futebol melhor tem resultado.
Tecnicamente capaz, sem ser um primor, tem a típica ginga brasileira no seu jogo, fisicamente resistente, assume acções de condução veloz ou em desmarcações sem bola executa movimentações predominantemente diagonais a partir da esquerda para atingir linhas de baliza e atacar o golo – com interessante técnica de remate, por ser canhoto, ainda que o pé direito não seja cego, o seu tipo de jogo talvez resultasse melhor partindo da direita.
Especialista na execução de lances de bola parada a jeito do seu pé esquerdo, que não se espere dele grande critério na decisão instantânea ou elevados níveis de consistência exibicional, ainda para mais se tivermos em conta o enquadramento competitivo em que se encontra inserido – dos mais baixos da Europa.
Contudo, especialmente por aquilo que vem demonstrando nesta temporada, Henrique Luvannor, é, aos 23 anos, um dos jogadores da Divizia Nationala que merece olhar atento, principalmente por parte de equipas de segunda ou terceira linha europeias.
 

Vídeo

#2 – MILOS KRKOTIC

mils krkotic
 
 Nome: Milos Krkotic
 Nacionalidade: Montenegrina
 Nascimento: 29-09-1987 (26 anos)
 Posição: Médio Centro/Ofensivo
 Altura: 185 cm
 Clube: Dacia Chisinau
 
 
 
Apontamentos: Chegou à Moldávia em 2011, vindo do FK Zeta de Montenegro para defender as cores do Dacia Chisinau, estando a fazer o seu melhor campeonato esta temporada, facto comprovado pelos dez golos e três assistências alcançados em catorze jogos disputados até ao momento na Divizia Nationala.
Fisicamente disponível, Milos Krkotic, é um Médio-Centro com capacidade para desdobrar e aparecer nas imediações da área contrária para executar o último passe ou atacar ele próprio o golo através dos seus bons argumentos no remate de média-distância.
Sem ser tecnicamente um primor, revela visão e competência a assumir acções de condução, constituindo-se, ainda, como possível executante de lances de bola para centrais a jeito do seu pé direito – nas bolas paradas laterais faz mais diferença na área para utilizar o seu jogo aéreo.
Aos 26 anos e sendo certo que o seu futebol se ressente demasiado quando o jogo lhe pede intensidades mais elevadas, Milos Krkotic, vem deixando alguns apontamentos esta temporada que merecem acompanhamento e atenção.
 

#3 – ALEXANDRU DEDOV

alexandru dedov
 
 Nome: Alexandru Dedov
 Nacionalidade: Moldava
 Nascimento: 26-07-1989 (24 anos)
 Posição: Extremo Esquerdo/Direito
 Altura: 175 cm
 Clube: Zimbru Chisinau
 
 
 
Apontamentos: Regressado à Moldávia em 2011 vindo do FK Ventspils da Letónia, passou pelos quadros do Dacia Chisinau, Sheriff Tiraspol e Academia Chisinau, defendendo, actualmente, as cores do Zimbru Chisinau.
Internacional moldavo, Alexandru Dedov, arranca de uma das faixas, preferencialmente a esquerda, dentro de um registo de extremo/avançado, confere mobilidade e velocidade ao sector ofensivo da equipa.
Executante destro, embora o pé esquerdo esteja longe de ser cego, Dedov, consegue criar desequilíbrios com relativa facilidade, ora assumindo acções de condução acelerada, ora procurando aplicar os seus argumentos ao nível do drible (curto).
Suficientemente capaz no cruzamento, alterna entre movimentações em que procura zonas exteriores para depois fazer a assistência, com diagonais interiores para atacar a baliza através dos seus razoáveis predicados no capítulo do remate.
Possível executante de lances de bola parada, tem obviamente muitas carências na forma como aborda o jogo, pouco responsável tacticamente, por vezes acaba por perder bolas em zonas absolutamente proibitivas – pouco objectivo a decidir em muitas ocasiões.
Aos 24 anos, não é, nem nunca será, uma estrela, mas tem pormenores que merecem atenção, levando, até ao momento, nesta Divizia Nationala 2013/14, seis golos e duas assistências em quinze jogos disputados.
 

Vídeo

#4 – GHEORGHE ANDRONIC

gheorghe andronic
 
 Nome: Gheorghe Andronic
 Nacionalidade: Moldava/Romena
 Nascimento: 25-09-1991 (22 anos)
 Posição: Médio Centro/Ofensivo
 Altura: 172 cm
 Clube: FC Milsami Orhei
 
 
 
Apontamentos: Produtos das escolas do Zimbru Chisinau, Gheorghe Andronic regressou ao seu país esta temporada para defender as cores do FC Milsami Orhei, depois de experiências mal sucedidas por Croácia e Suécia – visto em fase inicial de carreira como um dos maiores talentos para o futuro do futebol moldavo, com as recentes más experiências fora de portas, os ânimos em torno do seu real valor acabaram por refrear.
Móvel e ágil, dentro de um registo criativo, com facilidade para desdobrar e aparecer no apoio aos avançados, Andronic, revela capacidade técnica acima da média e competência na forma como assume acções de condução. Veloz, cria desequilíbrios e surge nas imediações das zonas de finalização para efectuar a assistência ou atacar o golo.
Com graves carências no capítulo da decisão, assim como, em conseguir manter os seus índices gerais de concentração e agressividade suficientemente estabilizados ao longo do encontro, Andronic, precisa encontrar um melhor equilíbrio exibicional, materializando de forma mais consistente e regular o seu bom potencial técnico. Fisicamente frágil, assume-se como especialista na execução de lances de bola parada a jeito do seu pé direito.
Aos 22 anos e ainda com margem para relançar carreira, fica a expectativa se irá conseguir encontrar a motivação necessária para voltar a projectar-se no panorama futebolístico moldavo.
 

Vídeo

#5 – RICARDINHO

ricardinho
 
 Nome: Ricardo Cavalcante Mendes
 Nacionalidade: Brasileira
 Nascimento: 04-09-1989 (24 anos)
 Posição: Extremo Direito/2º Avançado
 Altura: 174 cm
 Clube: Sheriff Tiraspol
 
 
 
Apontamentos: Chegou à Europa vindo do Mogi Mirim no Mercado de Inverno de 2011 para defender as cores Gornik Leczna da Segunda Divisão Polaca, passando ainda pelo Wisla Plock e Lechia Gdansk, antes desta temporada se transferir para o Sheriff Tiraspol.
Dentro de um registo tipicamente brasileiro, móvel e veloz, tecnicamente capaz – sem ser um primor, Ricardinho, surge normalmente a partir da direita do ataque para depois em movimentações predominantemente interiores disfarçar-se como uma espécie de criativo ou 2º avançado.
Competente a assumir acções de condução e suficientemente virtuoso no capítulo do drible, procura criar desequilíbrios, ainda que deixe muito a desejar no capítulo da decisão – com a ingenuidade excessivamente patente do seu futebol, quando é sujeito a maiores apertos por parte do adversário, as perdas de posse são uma constante.
Destro, constitui-se ainda como possível alternativa na execução de lances de bola parada a jeito do seu pé direito.
Na armada brasileira do Sheriff Tiraspol, referência também para nomes como: Julhiam (25 anos, Médio Ofensivo/Avançado), Fernando (27 anos, Médio Centro) e, principalmente, Cadú (27 anos, Médio Ofensivo), todos eles projectos a rever por parte de equipas de uma 3ª linha europeia numa hipotética perspectiva de reforço dos seus plantéis.
 

Vídeo


Translate »