Home » campeonatos » TF 10+ Eerste Divisie – Holanda – 2013/14

TF 10+ Eerste Divisie – Holanda – 2013/14

TF 10+ Eerste Divisie – Holanda – 2013/14

bundels

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Incluída num contexto desportivo e competitivo como o Holandês, que valoriza sobretudo o futebol jovem e de aprendizagem, a Eerste Divisie, Segunda Divisão Holandesa, assume particular importância, tornando-se uma espécie de rampa de lançamento para muitos dos bons valores técnicos que proliferam por terras laranja.
Nessa óptica, abaixo, fica feita uma breve referência a dez projectos que neste momento se encontram a evoluir na Eerste Divisie, decorridas que estão 16 Jornadas e em que a diferença do 1º para o 5º classificado dista apenas 7 pontos.
Por questões de gestão de conteúdo, ficaram de fora alguns nomes entretanto já abordados neste espaço em outras ocasiões.
 


#1 – PIOTR PARZYSZEK

parzyszek
 
 Nome: Piotr Parzyszek
 Nacionalidade: Polaca/Holandesa
 Nascimento: 08/09/1993 (20 anos)
 Posição: Avançado Centro
 Altura: 190 cm
 Clube: De Graafschap
 
 
 
Apontamentos: Depois de na temporada passada se ter afirmado como um dos homens-golo do De Graafschap, logo na sua época de estreia na equipa principal, Piotr Parzyszek, continua neste exercício 2013/14, a demonstrar pontaria afinada, levando, até ao momento, 14 golos e 3 assistências em 15 jogos disputados.
Muito longe de ser um portento técnico capaz de criar desequilíbrios ou colocar grandes acelerações em lances de um para um, Parzyszek, destaca-se, sobretudo, pelo oportunismo com que aparece em zonas de finalização para aplicar o remate, o último toque ou ainda fazer uso do seu bom jogo aéreo e técnica de cabeceamento – fisicamente bem constituído, dentro de um estilo esguio, garante dimensão ofensiva à equipa nesse parâmetro, sendo ainda útil em tarefas de apoio aos seus companheiros no chamado jogo de costas para a baliza.
Com preferência pelo pé direito, embora saiba dar uso com eficácia igualmente ao pé esquerdo, Piotr Parzsyszek, conseguindo manter os índices de eficácia exibicional num registo tão elevado como aquele que vem evidenciando até à data, é um projecto para aparecer a médio-prazo por entre o escalão principal do futebol holandês.
 

Vídeo

#2 – GIOVANNI KORTE

giovannikorte
 
 Nome: Giovanni Korte
 Nacionalidade: Holandesa
 Nascimento: 01-08-1993 (20 anos)
 Posição: Extremo Direito/Esquerdo
 Altura: 169 cm
 Clube: FC Dordrecht (Empréstimo – ADO Den Haag)
 
 
 
Apontamentos: Nos quadros do FC Dordrecht a evoluir o seu futebol, sob regime de empréstimo por parte do ADO Den Haag, Giovanni Korte, tem sido uma das boas revelações desta fase inicial de Eerste Divisie, levando, até ao momento, onze golos e duas assistências em 15 jogos disputados.
Dentro de um registo móvel e irrequieto sobre a frente de ataque, pode aparecer por qualquer uma das alas, aplicando, depois, diagonais interiores para atingir zonas de finalização.
Suficientemente virtuoso no drible – ainda que nem sempre eficaz e precise melhorar muito no capítulo da decisão -, Korte, consegue, através o seu bom poder na colocação de acelerações curtas, criar desequilíbrios com relativa facilidade.
Fisicamente frágil, utiliza o seu baixo centro de gravidade para ganhar por antecipação o duelo a adversários mais capazes em duelos de contacto.
Com apenas 20 anos e, continuando a demonstrar os bons sinais que vem deixando até aqui, deverá regressar aos quadros do ADO Den Haag e ter a sua chance na Eredivisie a médio-prazo. Para acompanhar.
 

Vídeo

#3 – SERHAT KOC

serhat koc
 
 Nome: Serhat Koc
 Nacionalidade: Holandesa/Turca
 Nascimento: 18-07-1990 (23 anos)
 Posição: Extremo Direito/Esquerdo/2º Avançado
 Altura: 166 cm
 Clube: Helmond Sport
 
 
 
Apontamentos: Produto das escolas do FC Eindhoven e depois de uma passagem sem grande sucesso pelos quadros do FC Groningen, Serhat Koc, tem feito carreira no segundo escalão do futebol holandês, defendendo, actualmente, as cores do Helmond Sport.
Versátil, ágil, móvel e dinâmico, pode aparecer sobre uma das faixas ou por zonas mais centrais, como 2º avançado, dentro de um estilo curto, colocando acelerações e atingindo as zonas de finalização, onde, depois, consegue apresentar argumentos técnicos quanto baste para se fazer o golo ou executar a assistência (passe/cruzamento) para um companheiro – é destro. Fisicamente frágil e actuando predominantemente por antecipçaão, procura evitar duelos de contacto.
Ainda que com dificuldades em manter os índices de consistência, concentração e agressividade suficientemente equilibrados – verdadeiro «calcanhar de Aquiles» do seu jogo -, Serhat Koc, tem feito, nos últimos tempos, por merecer, nova oportunidade na Eredivisie.
Veremos.
 

Vídeo

#4 – LARS VELDWIJK

veldwijk
 
 Nome: Lars Veldwijk
 Nacionalidade: Holandesa
 Nascimento: 21-08-1991 (22 anos)
 Posição: Avançado Centro
 Altura: 196 cm
 Clube: Excelsior Roterdão (Empréstimo – FC Utrecht)
 
 
 
Apontamentos: Pertencente aos quadros do FC Utrecht, passou a época passada pelo FC Dordrecht e encontra-se, igualmente em regime de empréstimo, esta temporada, a defender as cores do Excelsior Roterdão, deixando boas sensações nestes dois últimos exercícios.
Com quase dois metros, que não se espere dele grandes dotes no capítulo do drible ou na criação de desequilíbrios em lances ofensivos de um para um – ainda que apresente razoável coordenação para o seu perfil físico -, destacando-se, sobretudo, pela dimensão física que oferece ao sector ofensivo, seja no jogo de área e mais próximo ao golo, seja vindo até zonas mais recuadas para dar apoios e fazer jogo de costas para a baliza – bom no jogo aéreo.
Poderoso, possui um bom remate – é destro, mas, consegue, em situações de recurso, dar uso ao esquerdo -, qualidade à qual alia agressividade na forma como aproveita e aparece em zona de finalização para o embate com os defesas contrários.
Esta temporada leva, até ao momento, nove golos e seis assistências em 16 jogos disputados, números, que confirmam, as boas indicações deixadas a época passada e que o devem levar, a médio-prazo, a ter nova oportunidade na Eredivisie com as cores do FC Utrecht.
 

Vídeo

#5 – TOM OVERTOOM

tom overtoom
 
 Nome: Tom Overtoom
 Nacionalidade: Holandesa
 Nascimento: 20-11-1990 (22 anos)
 Posição: Médio Centro
 Altura: 175 cm
 Clube: FC Volendam
 
 
 
Apontamentos: Com passagem pelos quadros de formação do Ajax, onde chegou a ser um dos capitães de equipa, Tom Overtoom, transferiu-se, posteriormente, para o Sparta de Roterdão (11/12) e SC Veendam (12/13), até experimentar um momento algo conturbado ao serviço deste último – falência do clube -, situação que o fez ficar desempregado, treinando-se no FC Groningen. Já esta temporada, acabou por conseguir novo contrato com o FC Volendam.
Dentro de um registo que costumo apelidar de «organizador-criativo», Overtoom, é um jogador tecnicamente interessante, capaz a assumir acções de condução, evidencia visão de jogo e argumentos ao nível do passe, num estilo curto e médio, gerindo as dinâmicas intermédias da equipa e denotando capacidade de desdobragem em transições defesa-ataque.
Pese embora essas suas virtudes, fico sempre com a sensação de faltar-lhe algo mais a nível de atitude e agressividade, demasiado brando e passivo em alguns momentos, o seu futebol acaba por se ressentir no capítulo da consistência e regularidade, alternando momentos de bom futebol com outros em que simplesmente parece desaparecer do campo – até porque fisicamente é algo limitado.
Especialista na execução de lances de bola parada, laterais ou centrais a jeito do seu pé direito (embora saiba em situações de recurso dar uso ao esquerdo), Tom Overtoom, parece um daqueles casos em que mais do que a vertente técnica, é a psicológica a ditar uma carreira irregular que tem sido feita muito aquém do seu verdadeiro potencial.
 

Vídeo

#6 – MENNO KOCH

menno koch
 
 Nome: Menno Koch
 Nacionalidade: Holandesa
 Nascimento: 02-07-1994 (19 anos)
 Posição: Defesa Central
 Altura: 195 cm
 Clube: PSV Eindhoven (B)
 
 
 
Apontamentos: Verdadeiro defesa-central goleador neste início de temporada na Eerste Divisie com seis golos em 13 jogos disputados – tentos alcançados maioritariamente através da marcação de grandes penalidades e a dar sequência de cabeça a lances de bola parada, situações de jogo em que é especialista -, Menno Koch, que é ainda o Capitão da segunda equipa do PSV, tem dado nas vistas e deixado boas sensações aos responsáveis pelo futebol «vermelho-e-branco».
Do alto dos seus quase dois metros num registo esguio, que não se espere dele grandes dotes a nível de agilidade e a dar resposta a adversários capazes em acelerações e dribles curtos, ainda assim, consegue, através da sua determinação na abordagem e razoável noção posicional para a idade, antecipar lances e efectuar desarmes com eficácia.
Capaz no jogo aéreo, apresenta um estilo personalizado e não se coíbe de tentar participar nos primeiros momentos de construção do futebol da equipa – opta, maioritariamente, pelo passe médio e longo, ainda que, tecnicamente, não seja o mais brilhante.
Aos 19 anos e com margem pela frente para ser explorada e aproveitada, Menno Koch, procura, chegar à equipa principal do PSV a curto-médio prazo e repetir as boas exibições que vem efectuando ao serviço da equipa de reservas.
 

#7 – MARIO BILATE

mario bilate
 
 Nome: Mario Bilate
 Nacionalidade: Russa/Holandesa
 Nascimento: 16-07-1991 (22 anos)
 Posição: Avançado
 Altura: 191 cm
 Clube: Sparta Roterdão
 
 
 
Apontamentos: Filho de pai russo e mãe etíope, Mario Bilate, chegou à Holanda ainda criança.
Fisicamente poderoso, pode actuar dentro de um registo mais fixo em que dá maiores referências aos adversários no centro do ataque, com outro mais solto e afastado da zona final, ora sobre uma das alas para depois procurar espaço interior/frontal, ora vindo fazer jogo de costas para dar apoio aos seus companheiros, utilizando a sua presença e dimensão para conquistar a frente dos lances aos oponentes.
Com dificuldades notórias em manter os índices de consistência, concentração e regularidade exibicionais num nível suficientemente satisfatório, Bilate, que tem ainda alguma propensão para lesões e pouca estabilidade emocional, revela, muitas vezes, problemas em garantir um padrão de materialização suficientemente condizente com as qualidades que, a espaços, o seu futebol vai denotando.
Nesta temporada 13/14 leva três golos e uma assistência em nove jogos disputados, ainda que, algumas lesões pelo meio nem sempre o tenham deixado dar o devido contributo à equipa.
Aos 22 anos e com alguma margem por explorar, fica a expectativa se algum dia conseguirá efectivar de forma constante e regular as suas capacidades por forma a atingir um patamar competitivo superior.
 

Vídeo

#8 – ALI MESSAOUD

ali messaoud
 
 Nome: Ali Messaoud
 Nacionalidade: Marroquina/Holandesa
 Nascimento: 13-04-1991 (22 anos)
 Posição: Médio Ofensivo/Avançado
 Altura: 185 cm
 Clube: Willem II
 
 
 
Apontamentos: Propenso a lesões, Ali Messaoud, que fez a sua formação ao serviço do AZ Alkmaar, nunca conseguiu confirmar no plano profissional as boas indicações que vinha deixando em fase primária da sua evolução, acabando, esta temporada, por tentar relançar a carreira ao serviço do Willem II na Eerste Divisie, onde leva, até ao momento, sete golos e uma assistência em quinze jogos disputados.
O seu estilo de jogo, relembra-me, muitas vezes, o de Mounir El Hamdaoui, avançado que passou com sucesso pelos quadros do AZ Alkmaar e posteriormente do Ajax, tecnicamente capaz, sem ser brilhante, aparece com oportunismo e astúcia em zonas de finalização para se fazer ao golo ou tentar a assistência para um companheiro. Dono de um interessante pé direito, Messaoud, é, também, um especialista na execução de lances de bola parada.
Aos 22 anos e ainda com alguma margem, fica a expectativa se a sua condição física irá acompanhar os bons pormenores e sensações que o seu jogo, a espaços e nem sempre de forma regular – outra coisa não seria de esperar -, vai deixando.
 

Vídeo

#9 – DEJAN MELEG

dejan meleg
 
 Nome: Dejan Meleg
 Nacionalidade: Sérvia
 Nascimento: 01-10-1994 (19 anos)
 Posição: Médio Ofensivo Centro/Esquerdo/Direito
 Altura: 176 cm
 Clube: Ajax (B)
 
 
 
Apontamentos: Contratado no início deste ano ao FK Vojvodina, Dejan Meleg, é visto como mais uma das apostas de antecipação ao Mercado feita pelos responsáveis do Ajax.
Rápido e móvel, pode aparecer descaído numa das alas ou por zonas mais centrais do ataque, tecnicamente capaz, coloca acelerações e através da sua boa capacidade em acções de condução acelerada e algum virtuosismo no drible, cria desequilíbrios, aparecendo nas zonas de decisão final para fazer a assistência (passe/cruzamento) ou atacar ele próprio a baliza – boa técnica de remate.
Dono de um interessante pé esquerdo, que faz uso para executar lances de bola parada, Meleg, é, ainda, Internacional Jovem Sérvio e visto como uma das esperanças do futebol daquele país.
Apesar de precisar de encontrar um melhor registo e equilíbrio dos índices de consistência e regularidade exibicionais, assim como, garantir outra eficácia no capítulo da decisão, Dejan Meleg, aspira, um dia, chegar à equipa principal dos «Filhos dos Deuses».
 

Vídeo

#10 – TIM HOLSCHER

tim holscher
 
 Nome: Tim Holscher
 Nacionalidade: Alemã
 Nascimento: 21-01-1995 (18 anos)
 Posição: Médio Ofensivo Centro/Direito/Esquerdo
 Altura: 180 cm
 Clube: FC Twente (B)
 
 
 
Apontamentos: Iniciado no SC Gronau e com passagem pela escola do Schalke 04, foi, já nos quadros do FC Twente, onde se encontra desde 2009, que Tim Holscher finalizou o seu processo de formação.
Actuando sobre a frente de ataque por zonas mais centrais ou descaindo sobre uma das alas, Holscher, revela, competência na forma como assume acções de condução acelerada e virtuosidade no drible quanto baste para criar desequilíbrios nas defensivas contrárias, atingindo as zonas de finalização para efectuar a assistência (passe/cruzamento) ou atacar ele próprio o golo – boa técnica de remate.
Equilibrado fisicamente e especialista na execução de lances de bola parada a jeito do pé direito, o seu preferido, Tim Holscher, deve continuar a trabalhar no capítulo da decisão, uma vez que, a espaços, ainda denota dificuldades numa materialização eficaz e suficientemente consequente do seu bom potencial técnico.
Depois de na temporada passada ter aparecido com alguma frequência na equipa principal do Twente, esta época, tem actuado maioritariamente na Equipa B, tendo em vista o seu amadurecimento e posterior reintegração nos quadros principais dos «Reds».
 


Translate »